Evolve Fitness Concept

Invista no Treino Cruzado

O fitness atualmente engloba diversos conceitos. O treino cruzado, mais conhecido pelo nome de Cross-training é um conceito que está em voga no mundo do Fitness. O treino cruzado é um conceito que por vezes é alvo de ideias pré-concebidas. A Personal Trainers analisa como funciona este método de treino.

Qual o melhor treino para mim?

O cross-training engloba exercícios realizados com o peso do corpo, treinos intervalados, treino de força, que na maioria das vezes estão relacionados com atividades do dia-a-dia.

De uma forma global, cada vez mais, os praticantes de fitness queixam-se da visão tradicional e têm uma maior tendência para seguir a visão Cross-training.

Todo o treino cruzado tem como premissa o facto de adotar movimentos funcionais, simulando a forma como nos mexemos na vida real, em especial ações do dia-a-dia como o rodar, agachar, puxar, empurrar, lunging, fletir, torcer, saltar e a variabilidade do treino, sendo este sempre diferente em cada sessão de treino e solicitando o treino HIIT por aumentar a aptidão cardiovascular.

No Cross-training devemos fazer uma programação de treino estruturado com vista a trabalhar todas as qualidades físicas coordenativas e condicionais.

Devemos variar o tipo de treino/aula por forma a preparar o corpo para qualquer tarefa, desenvolvendo a componente central e periférica no treino, privilegiando assim o treino variado mas estruturado ao longo da semana.

A variabilidade vai combater a monotonia, que por vezes, se tende a instalar no processo de treino.

Um fator importante do treino cruzado é o HIIT, sendo caraterizado como um Método de Treino Cardiovascular que combina períodos de esforço intenso (75 a 85%FCmáx) com períodos de recuperação.

O HIIT permite desenvolver a capacidade de trabalho em todas as vias energéticas (CP, Glicolítica, Oxidativa), sendo que dá maior destaque à componente Anaeróbia.

Há que ter em conta os princípios de treino, sendo que devemos privilegiar o princípio da sobrecarga, em que a intensidade crescente vai permitir colocar o corpo humano num nível de stress fisiológico cada vez maior com vista à obtenção de resultados cada vez maiores.

Além da sobrecarga, devemos também considerar o princípio da progressão que se torna fundamental e necessária para se conseguir um treino seguro e de qualidade, sendo que exercícios analíticos apresentam maior simplicidade, enquanto exercícios integrados apresentam um nível de complexidade crescente.

Posto isso, quando abordamos uma estratégia de treino cruzado devemos começar por desenvolver as várias capacidades condicionais e coordenativas, passando de seguida dos movimentos isolados ou integrados, para ações motoras, isto é, movimentos combinados e com nível de integração maior e só no fim, o desenvolvimento de habilidades – ponto de maior consolidação do gesto técnico a apresentar no contexto de cross training.

No contexto de fitness, respeitando o treino cruzado, é possível programar rotinas de treino de três formas distintas:

•Programa de treino contemplando apenas aulas de grupo, cujo principal foco deve ser na realização de aulas com diferentes objetivos de treino abordando as componentes condicionais e coordenativas;

•Programa de treino de ginásio, cujo principal foco deverá ser na realização de rotinas de treino variadas em que o maior destaque deve ser a alternância de exercícios de halterofilismo, exercícios com peso corporal e exercícios que recorram a componente cardiorrespiratória;

•Como a maioria dos utilizadores de ginásio frequentam cada vez mais aulas de grupo e sala de exercício, o ideal é haver um equilíbrio entre as rotinas de treino de ginásio e aulas para que o treino seja o mais variado e cruzado possível.

Quero melhorar a minha forma física

Em modo de balanço final, variar o treino é fundamental sendo que se torna essencial cruzar métodos e meios de treino, o que vai permitir maiores níveis de motivação, interesse no treino, menor probabilidade de lesões e o desenvolvimento holístico das capacidades funcionais e coordenativas.

A Personal Trainers ajuda-o(a) a melhorar o seu treino. Saiba como!

Artigo de Rita Abreu adaptado de Santos, A.