Evolve Fitness Concept

Exercício na gravidez, sim ou não?

Inicialmente quando a mulher descobre que está grávida procura um médico e começa a aventura da gravidez.

Nesta altura surge a dúvida se deve ou não deve fazer exercício na gravidez.

Na maioria dos casos o seu médico irá dizer para fazer atividade muito leve, desde caminhadas, pilares ou yoga, nada de pesos. Se é um mito? É, mas tem uma explicação.

 O médico ao aconselhar estas atividades está a precaver algo de mal que possa resultar do exercício, isto porque o médico não sabe se treinava antes, qual o grau de intensidade do seu treino, quais os tipos de exercícios, se era com cargas ou só com o peso do corpo e todo o seu historial desportivo .

É nesta altura que o Personal Trainer é muito importante para avaliar todo o seu percurso desportivo, por mais pequeno que seja.

E ao estar em sintonia com o médico é possível fazer um trabalho essencial para o seu bem estar durante a gravidez e de preparação para o parto. O seu pt, consoante a sua condição física irá prescrever exercício adequado para a gravidez, sem colocar em risco o seu bebé e a sua saúde.

Resumindo, pode fazer exercícios com o peso do corpo e com carga? Sim e não, tudo tem a ver com o diagnóstico da sua gravidez e com o seu historial desportivo, como por exemplo, se existe descolamento da placenta, se contraiu diabetes gestacional, se tem hipertensão ou se a sua gravidez é de risco.

Se nunca fez exercício, não é durante a gravidez que vai fazer exercícios com carga ou que aumentem demasiado a sua frequência cardíaca, opte pela caminhada, yoga e Pilates.

Se sempre treinou regularmente ou pelo menos 1 vez por semana e está habituada a utilizar cargas ajustadas a si, sim pode realizar exercícios com carga, contudo sempre mais baixas do que estava habituada, é sempre exercícios sem impacto.

Texto de Ana Rita Abreu

Exemplo de Referência bibliográfica 1

1. Maughan R. The athlete’s diet: nutritional goals and dietary strategies. Proc Nutr Soc. 2002;61(01):87–96.